Pronunciamento odyr polaco_cp das horas extras

Pronunciamento odyr polaco_cp das horas extras

Publicado em 2 de abr de 2014

 

Abertura de CP das horas extras é rejeitada na Câmara

Por 5 votos a favor, 4 contra e uma abstenção a CP das horas extras, que pedia a cassação do prefeito é reprovada na sessão desta segunda (31) 


Para que a CP fosse instaurada deveriam ter 7 votos a favor da abertura.

O pedido denuncia irregularidades no pagamento de horas extras a funcionários da secretaria de saúde.

Protocolado pela eleitora Vera Modkowski Nogaroto o pedido mostra que foi comprovado na CE (Comissão Especial da Saúde), que apurou diversas irregularidades, o pagamento abusivo e indevido de horas extras a determinados funcionários.

Segundo a denúncia as horas extras pagas no período com adicional de 100% refletem em trabalho realizado em domingos e feriados, ou seja, tais servidoras no período de 2011 e 2012 deveriam ter laborado nos finais de semana para fazerem jus as horas extraordinárias de 100%

Na denúncia consta que no relatório apresentado pela CE prova que funcionários receberam horas extras enquanto participavam de cursos fora da cidade.

Anexadas ao pedido de CP também constam fotos de funcionários que receberam o beneficio enquanto participavam de caminhadas em prol da campanha de reeleição do prefeito.

São mais de 70 mil reais apontados como valores pagos indevidamente a funcionários da saúde.

Votaram contra a abertura da CP

Sabine Denise Geisen (PMDB)

Odyr Giordani Junior (Pros)

Rodrigo Leocardio Jorge (PP)

Waldemar Moraes de Almeida (PMDB)

Votaram a favor da abertura da CP

João Manoel Ardigo (PSB)

Alex Santana (Pros)

José de Paula Martins (PSD)

Reginaldo Aparecido da Silva (PP)

Maico Francisco Pereira (PT)

Se absteve de votar

Enéias Galvão (PSDB)

Sobre o Autor

Sou formado em Marketing & Propaganda (2004) e também em Jornalismo (2015) pela Unopar. Trabalho com Comunicação Social há mais de 15 anos e sou  proprietário do Jornal Manchete do Povo.

Itens relacionados (por tag)

  • Compra e doação de terrenos são formalizadas para a construção de dois hospitais em Rolândia

    Na manhã desta terça a prefeitura formalizou a doação de um terreno para o Hoftalon e comprou outro terreno que será doado para a HONPAR

  • Marcelo Belinati e Vetor Brasil explicam a seleção de profissionais para o cargo de secretário de Educação

    O Prefeito eleito de Londrina, Deputado Federal Marcelo Belinati, e a diretora-executiva do Vetor Brasil, Joice Toyota, concederam nesta quinta-feira (03/11), entrevista a respeito do processo de seleção nacional de profissionais para o cargo de secretária(o) de Educação de Londrina. A iniciativa é inédita no Brasil.

    Marcelo explicou que pela pasta da Educação ser uma das mais importantes área da administração, foi adotado o critério da meritocracia, que é um conjunto de ações que inclui desde currículo, a competência, conhecimento da realidade da educação local, perfil profissionais, entre outros itens, como escolha.

    A seleção de profissionais, de acordo com Marcelo, é uma oportunidade para que todos os educadores que tenham vontade de ser Secretário da Educação possam efetivamente participar. “Esse processo é democrático e inovador porque abre um leque de oportunidades para os profissionais da Educação, principalmente de Londrina”, enfatizou.

    Marcelo disse que abriu mão da prerrogativa de indicar o novo Secretário, como fizeram outros prefeitos, sem ouvir a rede municipal, e preferiu inovar no método de escolha. “Pela primeira vez o comando de uma pasta da administração pública será escolhido por um processo seletivo nacional, diferentemente do que ocorre em todo o país, quando geralmente os cargos são ocupados por indicações meramente políticas”, declarou.

    A diretora-executiva da Vetor Brasil, Joice Toyota, apesentou o Instituto que será responsável pela seleção dos aspirantes ao cargo. “Esta é uma organização sem fins lucrativos, especializada na alocação de profissionais em governos. Já estamos em 13 Estados e duas prefeituras, e o nível de satisfação dos governos com o pessoal indicado pelo Vetor é de 80%”, afirmou.

    Ela destacou os quesitos e critérios para a escolha, que será composta de análise da trajetória profissional, teste de raciocínio lógico e analítico, entrevista com os membros da rede municipal de Londrina, e uma entrevista final com uma banca avaliadora disciplinar, compostas de membros da comunidade educacional. Só os nomes que forem aprovados por estas mesas serão ouvidos também pelo prefeito Marcelo Belinati, responsável em definir efetivamente quem ocupará o cargo de Secretário de Educação.

    O Deputado Federal Alex Canziani (PTB-PR), que preside a Frente Parlamentar da Educação do Congresso Nacional, participou da entrevista. Para ele, a seleção de profissionais para Secretário de Educação está sendo um exemplo para o Brasil, e acredita que será um novo paradigma para a administração pública nacional. “Esta iniciativa será copiada por outras cidades”, enfatizou.

    As inscrições para o cargo estão abertas e podem ser feitas até 15 de novembro pelo portalwww.talentoparaaeducacao.org.br

    foto site 2foto site 2foto site1

  • Votos em branco crescem 115% em Londrina; nulos sobem 50%

    O resultado das eleições para prefeito em Londrina apresentou um recorde no número de votos em branco e nulo.

    Foram 21.935 votos nulos (7,26% do total). O número é 115% maior que o registrado nas eleições para prefeito em 2012, quando 10.158 eleitores votaram em branco (3,39% do total).

    O número de eleitores que anularam o voto também foi expressivo. Foram 24.602 votos (8,15% do total), aumento de 50% em relação às eleições anteriores, com 16.353 votos (5,45%).

    Por outro lado, o número de abstenções, eleitores que faltaram ao local de votação, caiu. Foram 51.330 ausentes (14,53%), contra 60.732 (16,84%) em 2012.

    Para o cientista político Clodomiro Bannwart, o aumento dos índices é explicado pelo fato do brasileiro ainda se relacionar com o assunto de uma forma indiferente, consequência de um processo de criminalização pelo qual passa a política no País. “Isso é muito ruim. A indiferença é o elemento mais nevrálgico para o funcionamento do sistema democrático. Ainda que tenhamos uma grande diversidade, é dentro da polaridade de ideias, da discussão, que nós fomentamos e ampliamos o papel da democracia”, analisa.

    Fonte: http://massanews.com/

Localização

Rua: Alfredo Moreira Filho
N°: 362
CEP: 86600-003
Rolândia - PR

Mapa

O Jornal

Manchete do Povo - Mais de 3 mil exemplares todos os sábados em mais de 140 pontos da cidade.

Contato

Telefone: (43) 3016 0201

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Fale conosco

News Letter

Receba nossas novidades por e-mail

logo-manchete-do-povo-rodape