Créditos a quem realmente merece!

Créditos a quem realmente merece! Destaque

A Oktoberfest de Rolândia foi criada para preservar e divulgar a cultura alemã, e nestes 28 anos de idade traz muita música, danças típicas, concursos culturais e principalmente, muito chopp e comidas deliciosas.

Nesse sentido fica óbvio que para fazer a festa é preciso envolver os grupos folclóricos (dança), a equipe de chopp em metro (concursos culturais), a Dona Ada (restaurante) e a banda Meninos de Ouro (música). É como investir na base, entender quem realmente faz a festa, e dar atenção para quem entende de oktoberfest com a união daqueles que vivem o evento todos os anos há mais de duas décadas.

Claro que não posso deixar de enaltecer a coragem e empenho da ACREVO por colocar a cara pra bater através do seu presidente, Amilton Claudino da Silva "Neno", pois ele assume juridicamente toda a responsabilidade pela realização da oktober. Assim como devemos agradecer o incentivo e apoio da secretaria de cultura através do secretário Luiz Carlos Berbel, do diretor de cultura, Wagner de Campos e da turismóloga, Flavia Galbero.

Porém é hora de rever o que está errado e buscar os acertos. A Oktoberfest de Rolândia é um patrimônio cultural da cidade e não pode mais ser feita às pressas e na gambiarra. Um novo recomeço precisa ser pensado.

A criação do conselho municipal da Oktoberfest é uma opção, ou então dentro do conselho de cultura e turismo criar um núcleo específico para assumir de fato a responsabilidade pela festa. Estas ações podem trazer um novo rumo, pois faria com que a festa passasse por um choque de gestão com planejamento técnico, feito por pessoas capacitadas, com projeto a médio e longo prazo.

Mas é claro, como tudo que se faz é preciso ter dinheiro, e por isso pensar em uma parceria pública privada também deve ser uma hipótese a ser analisada.

Por fim fica aqui os meus parabéns aos organizadores que, apesar de tudo, ainda fizeram a festa acontecer. E faço uma ressalva ao pessoal do chopp em metro, dos grupos e do restaurantee também ao Senhor Pedro Bernardes, o Viva Viva. Sem vocês nada disso seria possível, e por mais que a ACREVO se esforçasse, poderiam até fazer uma "quermesse", mas a Oktoberfest só é Oktoberfest por causa de vocês.

Mesmo que tivesse apenas os grupos e o chopp em metro dentro do restaurante com os Meninos Ouro tocando, ainda assim, seria a Oktoberfest, mas sem vocês não tem Oktober. Ein Prosit, e até o ano que vem... Viva Viva !!!

Sobre o Autor

Sou formado em Marketing & Propaganda (2004) e também em Jornalismo (2015) pela Unopar. Trabalho com Comunicação Social há mais de 15 anos e sou  proprietário do Jornal Manchete do Povo.

Itens relacionados (por tag)

Localização

Rua: Alfredo Moreira Filho
N°: 362
CEP: 86600-003
Rolândia - PR

Mapa

O Jornal

Manchete do Povo - Mais de 3 mil exemplares todos os sábados em mais de 140 pontos da cidade.

Contato

Telefone: (43) 3016 0201

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Fale conosco

News Letter

Receba nossas novidades por e-mail

logo-manchete-do-povo-rodape