Brasileiro faz prova de KART em família nos Estados Unidos

No último domingo a família Campos se reuniu para um dia dos pais diferente. É que o piloto Raphael Campos aproveitou o intervalo entre uma etapa e outra da Sprint Race para visitar o pai e a família nos EUA, onde todos moram. Mas como o automobilismo está no sangue, Rapha, Gregory (irmão) e Marcelo (pai) se desafiaram na etapa regional do NHKA Racing Series. Em clima de confraternização em família e de reencontro com os amigos de pista dos EUA, os Campos mostraram que mesmo na descontração tem competitividade e pódio!

“É sempre muito gostoso voltar para a minha casa americana e ainda melhor rever amigos de pista. Foi nesse campeonato regional de kart que tudo começou, que eu fiz as minhas primeiras competições com o kart que trabalhei duro para comprar. Então voltar agora com a carreira profissional em pleno vapor e ser recebido com muito carinho foi bem especial. Distribuí bonés e autógrafos para os amigos. Sem falar que competir com meu irmão e meu pai não tem nem palavras para descrever”, comenta Rapha Campos.

 

Rapha aproveita o tempo nos EUA para treinar e acelerar em outras pistas, adquirir ainda mais experiência. O piloto de Curitiba está liderando a Sprint Race, categoria de acesso para a Stock Car, maior competição do país e objetivo profissional de Rapha. A próxima etapa da Sprint Race é no dia 01 de setembro, em Interlagos, São Paulo.

BIOGRAFIA

RAPHAEL CAMPOS – Desde muito pequeno a paixão por automobilismo sempre foi muito presente na vida de Raphael Campos e o que não faltaram foram incentivos e exemplos para se inspirar. Há pouco mais de um ano morando no Brasil, o piloto de 21 anos, deixou sua vida nos EUA onde morava com o pai há 13 anos, com um único objetivo: ser piloto de automobilismo. Com incentivo do primo e piloto da Stock Car Julio Campos, hoje Raphael mora e treina em Curitiba. Outro primo, Marco Campos, chegou à Fórmula 3000, porém foi vítima de um acidente fatal competindo em Paris, 1995. Raphael quer seguir o exemplo dos primos e aqui no Brasil chegar a Stock Car, bem como seguir carreira internacional.

 

 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.