Rolandenses se aventuram sobre duas rodas na capital do queijo

O feriado do dia do trabalhador está chegando e muitos irão aproveitar o momento para curtir a família, descansar, viajar, ou fazer trilhas. Esse é o caso dos Trilheiros de Rolândia, um grupo de 14 amigos que irão se aventurar na cida

O feriado do dia do trabalhador está chegando e muitos irão aproveitar o momento para curtir a família, descansar, viajar, ou fazer trilhas. Esse é o caso dos Trilheiros de Rolândia, um grupo de 14 amigos que irão se aventurar na cidade de São José da Barra, em Minas Gerais.

O grupo tem praticado essas incursões ao menos uma vez ao ano, já tendo realizado três excursões onde os integrantes do grupo fretam um ônibus e levam as motos consigo dentro do veículo.

Tudo isso começou quando Manoel Luiz Conti conheceu Carlos Augusto Pardini. Os dois se tornaram amigos e agora Manoel e todos os trilheiros sempre vão ao estado, muito famoso por seus queijos, para praticar trilhas com as suas motos.

Manoel relata que “Todos os anos fazemos essa excursão para a Serra da Canastra e dia 7 de setembro já tem outra”.

Os trilheiros ficam em uma pousada chamada Serra da Canastra, no bairro de Furnas, que fica próximo ao famoso “mar de Minas”.

Manoel também menciona o tipo de atividade que eles irão realizar durante os três dias. “Sábado vamos andar o dia todo, voltamos pra pousada jantamos e descansamos, domingo vamos fazer um trial de turismo, só vamos andar em cachoeiras, carreadores pra ganharmos um gás, e na segunda andamos o dia todo”.

A viagem até São José da Barra será longo, em torno de 700km, e eles pretendem fazer suas trilhas atingindo130km por dia, o mesmo que dois tanques cheios das motos por dia.

de de São José da Barra, em Minas Gerais.

O grupo tem praticado essas incursões ao menos uma vez ano, já tendo realizado três excursões onde os integrantes do grupo fretam um ônibus e levam as motos consigo dentro do veículo.

Tudo isso começou quando Manoel Luiz Conti conheceu Carlos Augusto Pardini. Os dois se tornaram amigos e agora Manoel e todos os trilheiros sempre vão ao estado, muito famoso por seus queijos, para praticar trilhas com as suas motos.

Manoel relata “Todos os anos fazemos essa excursão para a Serra da Canastra e dia 7 de setembro já tem outra”.

Os trilheiros ficam em uma pousada chamada Serra da Canastra, no bairro de Furnas, que fica próximo ao famoso “mar de Minas”.

Manoel também menciona o tipo de atividade que eles irão realizar durante os três dias. “Sábado vamos andar o dia todo, voltamos pra pousada jantamos e descansamos, domingo vamos fazer um trial de turismo, só vamos andar em cachoeiras, carreadores pra ganharmos um gás, e na segunda andamos o dia todo”.

A viagem até São José da Barra será longo, em torno de 700km, e eles pretendem fazer suas trilhas atingindo130km por dia, o mesmo que dois tanques cheios das motos por dia.

 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.