As vaidosas guerras das vaidades  e o “abraço dos afogados”

Em período pré eleitoral as agremiações se reúnem e discutem quem será o adversário do atual prefeito Dr. Francisconi, já que a pré-candidatura dele é praticamente certa e líquida.

Semana passada uma grande reunião de cúpula foi feita pelos partidos de oposição à atual administração. Somente os presidentes e vice presidentes de partidos participaram, com exceção de alguns convidados especiais.

Em pauta a discutição de quem será o candidato da oposição. Na lista alguns nomes e com a presença de vários partidos nanicos foi feita uma votação. Especula-se que chegou a ser decido os nomes a prefeito e vice, mas prefiro não citar ninguém (por enquanto). Ocorre que de fato, a princípio nada foi confirmado, e de lá saíram todos da mesma forma que chegaram.

“Exijo uma pesquisa, para que dela surjam os nomes”, apontou os mais ponderados. Outros, é bem capaz que tenham dito: “Apoio o que for decidido, desde que o nome escolhido seja o meu”.

Em um “abraço de afogados” a oposição reúne as últimas cartadas para formar uma frente, porém sem entrar em um acordo ainda, os nomes continuam à mercê das vaidades.

 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.