ExpoLondrina espera mais de 500 mil visitantes

ExpoLondrina espera mais de 500 mil visitantes

Diretores recebem imprensa para apresentar mais detalhes do evento

Com o slogan Paixão em Pensar à frente. O agro nos move, a 58ª Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina – a ExpoLondrina 2018 – será realizada de 5 a 15 de abril, no Parque de Exposições Ney Braga, em Londrina. Na manhã desta quarta-feira, dia 21 de fevereiro, diretores da Sociedade Rural do Paraná, entidade organizadora do evento, recebeu a imprensa para mais informações sobre o evento. Participaram o presidente da entidade, Afranio Brandão, o vice Antonio Sampaio, o diretor-secretário Paulo Nolasco e o diretor-comercial Nivaldo Benvenho.

A Exposição realizada em Londrina está entre as mais importantes do país para o setor do agronegócio e vem, nos últimos anos, introduzindo novidades que vão ao encontro do momento atual, em que a tecnologia com base na inovação tem grande relevância para o setor.

Este ano, será realizado o III Hackaton Smart Agro, evento que atrai dezenas de pessoas com foco no desenvolvimento de soluções digitais que possam facilitar o dia a dia do campo e das centenas de atividades que envolvem o agronegócio. A exposição de Londrina foi a primeira feira do setor a introduzir a maratona, que consiste na reunião de desenvolvedores de softwares, designers, empresários e monitores num espaço especialmente preparado, onde permanecem por cerca de 48 horas seguidas, trabalhando no desenvolvimento de um projeto.

Paralelamente ao Hackathon, outras dezenas de eventos técnicos são realizados nos espaços do Parque Ney Braga, visando a difusão de tecnologias e de conhecimento. A ExpoLondrina já é um marco no calendário nacional do agronegócio e tem na parte técnica um de seus destaques, trazendo atualizações, informações e todas as novidades do segmento para expositores, criadores e público em geral. São dezenas de palestras,cursos, debates e oficinas realizadas em parceria entre a Sociedade Rural do Paraná, entidade organizadora da Exposição, e instituições de ensino e pesquisa – Universidade Estadual de Londrina, Embrapa, Seab/Emater, Iapar, entre outros.

Primamos pela realização de eventos que agreguem novos conhecimentos, que possam gerar renda e expertise aos nossos produtores. Sabemos que têm muitas entidades trabalhando seriamente para isso, mas na ExpoLondrina temos a oportunidade de reunir, de um lado, muitas pessoas capacitadas para compartilhar seus conhecimentos e, de outro, produtores ansiosos por novas técnicas, comenta o presidente da Sociedade Rural do Paraná, Afranio Brandão.

O diretor de atividades agroindustriais e um dos responsáveis pela elaboração da agenda técnica, Luigi Carrer Filho, destaca a importância destas parcerias para a realização de eventos de qualidade e que atendam às necessidades do público da ExpoLondrina, tanto que alguns eventos já estão na quinta ou sexta edição.

A nossa responsabilidade com a agenda técnica da ExpoLondrina é grande. A cada ano os eventos vêm melhorando e superando a edição anterior. Esta evolução de qualidade gera expectativa no público e desperta interesse tanto no meio rural, quanto no acadêmico. Desde outubro, pessoas estão nos contatando para saber sobre a grade técnica, conta Carrer Filho.

Movimentação que impacta toda a região

A realização da ExpoLondrina provoca impacto em toda a região. Em 11 dias de realização, cerca de 550 mil pessoas visitam o Parque Ney Braga, vindas, principalmente, de várias cidades vizinhas, mas também de outros Estados e países.

São gerados em torno de sete mil empregos, incluindo as contratações temporárias para segurança, limpeza, atendimento nos estandes e os empregos indiretos.

Na edição de 2017, participaram da feira 3.170 expositores e uma movimentação financeira de R$ 570 milhões. As instituições financeiras presentes à exposição liberaram R$ 345 milhões em financiamentos para o setor rural.

Para este ano, as expectativas de negócios e públicos também são muito boas, conforme adianta o presidente da SRP, Afranio Brandão. Sempre trabalhamos para fazer uma exposição melhor que a outra e este empenho provoca resultados positivos que sempre nos surpreendem. Esperamos, claro, superar a movimentação do ano passado, mas não podemos deixar de ressaltar que nossos números já são bastante expressivos, comenta.

Vendas de ingressos começam dia 1

As vendas de ingressos para os shows, rodeio e parque de exposições da ExpoLondrina 2018 iniciam no dia 1º de março nas bilheterias do Parque de Exposições Ney Braga, no Boulevard Londrina Shopping, parceiro da SRP e pelo site www.expolondrina.com.br nos mesmos valores praticados no ano passado.

Os ingressos do primeiro lote dos shows – ExpoShow – começam a ser vendidos a R$ 25,00 na compra antecipada. Os preços serão alterados de acordo com o fim dos ingressos de cada lote. No dia do show, o valor será integral, sendo a meia-entrada válida apenas para os casos especificados em lei. O único show que terá o início das vendas a R$ 20,00 o lote será o da Larissa Manoela, no dia 8 de abril, às 18 horas.

O preço dos ingressos do Rodeio ExpoLondrina 2018 – ExpoRodeio – também seguem os mesmos valores e regras adotadas ano passado: dia 13 de abril – sexta-feira: R$ 18,00 compras antecipadas, no dia a meia-entrada será R$ 23,00 e o valor cheio será R$ 46,00; dia 14 de abril – sábado: R$ 20,00 compras antecipadas, no dia a meia-entrada será R$ 24,00 e o valor cheio será R$ 48,00; e a grande final, dia 15 de abril – domingo: R$ 22,00 compras antecipadas, no dia a meia-entrada será R$ 25,00 e o valor cheio será R$ 50,00.

Para o acesso ao Parque de Exposições os valores dos ingressos para a compra antecipada do ExpoParque serão R$ 10,00 inteira e R$ 5,00 a meia, durante a semana (segunda a sexta). Nos finais de semana (sábado e domingo), os valores antecipados serão R$ 12,00 a inteira e R$ 6,00 a meia. Estes valores valem até o dia 4 de abril. Durante a exposição – de 5 a 15 de abril – os valores serão RF$ 14,00 a inteira e R$ 7,00 a meia para a semana e nos finais de semana, R$ 15,00 a inteira e R$ 7,50 a meia entrada.

Todos pagam para entrar nos shows e rodeio. No parque de exposições crianças até 6 (seis) anos não pagam. Acompanhem as informações no site da ExpoLondrina 2018: (www.expolondrina.com.br).

Grade de show traz grandes atrações nacionais do momento. Confira:

05 DE ABRIL: Henrique & Juliano – 22h

06 DE ABRIL: Luan Santana – 22h

07 DE ABRIL: Bruno & Barreto e Cleber & Kauan – 22h.

08 DE ABRIL : Larissa Manoela – 18h.

09 DE ABRIL: Simone & Simaria – 22h.

10 DE ABRIL : Zé Neto & Cristiano e DJ Samhara  – 22h

11 DE ABRIL: Marília Mendonça – 22h.

12 DE ABRIL: Maiara & Maraisa – 22h

13 e 14 DE ABRIL: Rodeio ExpoLondrina 2018 – 20h

15 DE ABRIL: Rodeio ExpoLondrina 2018 – 19h

Animais expostos mostram a excelência da produção nacional

Na ExpoLondrina, a presença de genética de qualidade, a realização de leilões, intercâmbio de informações para cria, recria, engorda e confinamento dão uma mostra do patamar em que se encontra a produção de carne paranaense e nacional.

Além da bovinocultura, são destaques do setor animal a ovinocultura, piscicultura e equinocultura. O segmento de equinos realiza leilões e julgamentos, mas também encanta o público com a realização das provas equestres e hipismo.

Em 2017, passaram pelo Parque Ney Braga 6.485 animais de 60 raças. Este ano, o número deve ser superior, devido ao maior número de leilões agendados.

Leilões – momento de bons negócios

Para a ExpoLondrina 2018, estão programados 19 leilões, transformando os recintos do Parque Ney Braga numa grande praça de negócios. Serão realizados leilões de gado de corte, elite, touros, ovino, gado leiteiro e equino.

Ano passado, a Operação Carne Fraca e delações dos dirigentes da JBS ocasionaram queda forte nas cotações da arroba no Brasil e por consequência no Paraná, causando retração e apreensão no mercado bovino em geral. Este ano, o cenário está diferente e sinalizando para um aquecimento no mercado de animais, em especial, o segmento de bovinos, comenta o diretor de Pecuária da SRP, Ricardo Rezende.

Embora ainda de forma tímida, a economia começa a dar sinais de alguma melhora, lembra o diretor, e, portanto, é uma boa hora para a reposição de animais tanto de engorda quanto de cria.

Shopping Nelore

Também será realizado durante a ExpoLondrina o Shopping Nelore Abra, que comercializará durante todo o período da feira, animais registrados da raça Nelore, tanto matrizes quanto reprodutores. Estes últimos são para trabalharem na reprodução, tanto em rebanhos PO como de produção de bezerros para corte.

O Shopping Nelore Abra também realizará um leilão virtual, agendado para 13 de abril, 21 horas.

Vitrine da Carne será realizada pelo segundo ano consecutivo

Pelo segundo ano consecutivo, a ExpoLondrina terá a Vitrine da Carne, espaço destinado a informações e cursos sobre carne, dirigido a produtores e consumidores.

No ano passado, o conhecido consultor em cortes de carne Marcelo Bolinha, de Porto Alegre, fez demonstrações de desossa de carcaças de bovino e cordeiro para o público. Ele também deu dicas importantes para a compra da carne.

Estamos finalizando a organização da Vitrine de 2018. Pretendemos implementar este espaço que foi sucesso na exposição de 2017, trazendo mais produtos ligados a cadeia da carne, para serem comercializados, tanto de expositores, quanto de pecuarista, que vão de cutelaria até a possibilidade de vinda de expositores de carnes exóticas, diz Rezende.

Importantes líderes estarão presentes no Fórum do Agronegócio

Com o tema O Protagonismo do Agro Brasileiro no Mundo, o Fórum do Agronegócio, que será realizado dentro da programação da 58ª Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina, já conta com a confirmação da presença de representantes de importantes entidades do setor. O Fórum acontece no dia 9 de abril, 12H30 horas, numa realização da Sociedade Rural do Paraná e da MMarchiori.

Após a cerimônia de abertura, será realizada a conferência O Brasil protagonista de uma nova História no Agro Mundial, com o presidente da Apex-Brasil, Embaixador Roberto Jaguaribe Gomes de Matos.

Em seguida, será realizado o debate O agronegócio na nova sociedade: implicações e perspectivas para o Brasil, com as presenças já confirmadas de Roberto Rodrigues, ex-ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e especialista em economia agrícola e cooperativismo, que fará a exposição do tema. Como debatedores, estão confirmados a senadora Ana Amélia Lemos, o representante da FAO Brasil, Alan Bojanic; o presidente da Embrapa, Maurício Antônio Lopes; o presidente da Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG), Luiz Carlos Correa Carvalho; o presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken; e o diretor da ESALQ-USP, Luiz Nussio.

Após um breve intervalo, será realizado o painel Inovação no Agro e na Agroindústria Brasileira: as demandas mundiais e os desafios na produção sustentável de alimentos. Para debater este tema, estão confirmadas as presenças

da presidente do Instituto Brasileiro para a Inovação e Sustentabilidade do Agronegócio (IBISA), Mônika Bergamaschi; e o presidente da Associação Brasileira de Logística e Transporte de Cargas (ABCT), Pedro Lopes. Outros nomes estão sendo confirmados para participação no evento.

O Fórum conta com a presença dos seguintes moderadores, jornalistas de veículos de comunicação: Ana Della Pria, da TV Globo; Fernando Lopes, do Valor Econômico, e Tobias Ferraz, do Canal Terra Viva.

Como já característico do Fórum realizado em Londrina, os assuntos propostos são debatidos com todos os atores da cadeia produtiva, ampliando conhecimentos em função dos diferentes olhares, problemas e soluções que cada um propõe e vem praticando. Será um importante momento de nossa programação, pois teremos a oportunidade de entender melhor as necessidades e soluções dadas por cada segmento que compõem a cadeia do agronegócio, o mais importante setor da economia brasileira, comenta o presidente da Sociedade Rural do Paraná, Afranio Brandão.

Lideranças de expressão no agronegócio participam do evento, que vem assumindo pelo terceiro ano, protagonismo nacional. Marlene Marchiori, diretora da MMarchiori, ressalta que os temas foram cuidadosamente elaborados, direcionando os debates para uma análise e discussões das principais questões que afetam o Agro em termos de projeção internacional, compreendendo que a construção da Marca Brasil torna-se fundamental para consolidar relacionamentos de confiança, os quais se fazem ao longo de uma trajetória. Como característica preponderante, reúne associações que incentivam o desenvolvimento do Agro no mundo, tendo como parceiros, desde a primeira edição, ABAG, ESALQ-USP, Embrapa, IBÁ (Industria Brasileira de Arvores), ABCZ, UEL, Sistema Ocepar, SRB, assim como os apoiadores o Governo do Estado do Paraná, EMATER/SEAB e IAPAR.

A ExpoLondrina 2018 acontece de 5 a 15 de abril, no Parque de Exposições Ney Braga, em Londrina (Norte do Paraná).

Acompanhe mais informações sobre a ExpoLondrina pelo site: www.explondrina.com.br

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.