Exposição de fotografia retrata o profundo olhar de crianças com Down

Com 25 fotos em exposição a fotografa tem o objetivo de compartilhar o olhar de crianças com Síndrome de Down, e estimular nas pessoas que apreciam a obra, o sentimento de inclusão social. São crianças tão lindas como todas as outras, tenho um amor muito grande e tenho uma filha especial também, declarou a Rosangela.

As fotos em exposição são de crianças que participam da APS Down em Londrina, e de famílias da cidade e da região. Três crianças especiais de Rolândia fazem parte desse projeto artístico.

André Carlos de Araújo, Laura Secco Antunes e Gabriela Mungo Jacques são as lindas crianças rolandenses que compõem essa obra, e segundo Juliana Mungo, mãe de Gabriela, é a segunda vez que a filha participa desse projeto. Ela também afirma que a intenção da exposição é muito especial, e ressalta a importância da população de Rolândia ir prestigiar o evento. Além de ser diferente por serem crianças especiais, também é uma coisa que está abrangendo nosso município disse Juliana.

No total, foram onze crianças fotografadas e cada uma delas terá duas fotos em exposição. Sou apaixonada por fotografia. As fotografias dessa exposição são inéditas e mostram a beleza dessas crianças, retratando o quão profundo é o olhar na expressão de cada uma. Acredito que tenha conseguido captar essa essência e que vamos atingir nosso objetivo de sensibilizar as pessoas com sentimento da inclusão social, afirmou Oliveira.

Além dos rolandenses e dos londrinenses, crianças de Arapongas, Andirá e Cambé também fazem parte desta obra, que está acontecendo no Centro Cultural no piso superior do shopping Boulevard, em Londrina.

As fotos estão em exposição desde o dia 1º de fevereiro e vai até 31 de março. A visitação é gratuita e está aberta de segunda a sábado das 10 às 22h e aos domingos e feriados das 14 às 20h. O Dia Internacional da Sindrome de Down é comemorado no dia 23 de março, não deixe de visitar a exposição e prestigiar essa belíssima obra que reflete o amor e ternura que existem em cada olhar.

um novo olhar manchetedopovoum novo olhar manchetedopovo2

Fonte TarobáNews /  colaborou Rafael de Lima Rodrigues

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.