Morador de Maringá corta o braço em janela e morre a míngua

Wilson Júnior Toledo, um caminhoneiro de 43 anos, infelizmente foi vítima de uma fatalidade registrada no início da noite de ontem terça-feira (02), no quintal de uma residência situada na zona 06 em Maringá.

Segundo relatos de familiares e vizinhos, a vítima teria esquecido a chave do imóvel. No intuito de ter acesso a parte interna da casa, o morador teria arrombado uma janela de vidro, instalada nos fundos da residência.

Ao quebrar a janela, o caminhoneiro sofreu um corte profundo em um dos braços e perdeu muito sangue, vindo a entrar em óbito. Wilson foi encontrado caído na garagem da residência, pela mãe que chegou do trabalho e se deparou com o filho morto.

No braço ferido, um perito da Policia Científica, encontrou uma toalha toda ensanguentada, colocada sobre o corte na intenção de estancar o sangue. Possivelmente o morador morreu a míngua já que perdeu muito sangue e não conseguiu pedir ajuda.

O local foi isolado pelos órgãos competentes, e após os procedimentos de praxe terem sido concluídos, o corpo do caminhoneiro foi removido e encaminhado ao Instituto Médico legal de Maringá, para a realização dos exames de necrópsia.

Fonte: Cobra News

 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.